quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Asas por minha conta...




Asas por minha conta...

O que busco desse voar
É ser o próprio voo...
Sem mais coisa alguma,
Somente o nada como o todo,
Sem a matéria delineada
A dar formas ilusórias,
Ser apenas a translúcida vontade
Do apenas SER...
Nada mais...

Assim, olhar de longe a ilusão
E não mais a deixar tocar em mim...
Não mais a deixar escrever minha rota...

Feliz  é a liberdade...
Liberta é a felicidade...


Felicidade por conta de minhas asas libertas!


Asas por minha conta...

imagem: Google

15 comentários:

Isabel José António disse...

Olá Querida Irmã Terezinha,

Que lindo poema para apenas SERMOS. Muitos parabéns pela inspiração ou pelo bom gosto de postar tamanha pérola.

"Asas por minha conta"
Inspiração e tanto espaço
Não é algo de pouca monta
Consciência naquilo que faço

Livre sendo a liberdade
Leve tal como a imaginação
Em busca da senda da verdade
Que procuro no meu coração

Voo em círculos ou picado
Finos arabescos entretecidos
Asas bem abertas ser alado
Buscando horizontes esquecidos

Trago sempre de cada planagem
A experiência bem calibrada
Envio em cada vento ou aragem
Aquele leve sopro da eternidade


Espero que goste, porque lhe ofereço e é inspirado no seu post.

Também nós a queríamos convidar a visitar os nossos dois blogues onde fizemos novos posts: POESIA VIVA e O CAMINHO DO CORAÇÃO.

Um abraço e saudações fraternas

José António

Helena Chiarello disse...

Por tudo o que sei de você, por tudo o que me encanta esse teu jeito de ser, pensar e viver, posso dizer que vc já é o próprio voo!!

Que poema lindo, minha amiga!

Que paz, que luz, que coisa boa tudo o que disse aqui!!

"Asas por minha conta" é DAQUELES!

v! v! v!

Um beijo e muiiiiiiiiiiiita saudade, Gaivotinha!!

✿ chica disse...

Concordo com a Helena! E digo mais...tuas asas são esvoaçantes, brilhantes e maravilhosas e desejo que voes muiiiiiiiiiiito...

LINDO!!!beijos praianos,chica

Evanir disse...

A minha amizade por você é tão especial que não saberei explicar em palavras.
Sempre sinto vontade de dizer o quanto é importante contar com amigos (as) como você.
Hoje você já faz parte da minha vida, agradeço a Deus por
ter te encontrado e descoberto com você a verdadeira amizade.
Obrigada por sua preciosa amizade,e que Deus a abençoe cada dia mais.
Um Domigo Feliz e tremendamente abençoado.
Beijos meus no seu coração.
Evanir..
Amo seus poemas!!

G. HANOCH disse...

Maravilhoso!!! O que posso dizer mais...?! Peço lhe tais asas emprestadas e procuro nessa minha 'inveja poética' alcançar o mesmo voo tão esplêndido, gracioso, poético e maravilhoso!...Parabéns, querida!

Anderson Fabiano disse...

...Olhar de longe a ilusão... apenas ser. Sem antes ou depois, sem esperar, sem cobranças, apenas a consciência da certeza interior. E assim, asas por nossa conta.
...Olhar bem de perto o sempre... e apenas ser.

Meu carinho,
Anderson Fabiano

Lindalva disse...

liberdade, liberdade solte as asas sobre nos... Olá amiga Vim te convidar a participar das brincadeiras pelo aniversário de 2 anos de renascimento da minha Ilha. O convite está acima das postagens e basta dá um clic que serás levado a festa. Temos 2 brincadeiras e a grande festa dia 13 de fevereiro. Te espero lá. Beijos no coração ♥ ♥ ♥

Evanir disse...

Antes que o dia acabe e te roube a esperança,
antes que a noite chegue e traga incerteza,
e quando menos esperar, eis você realizando,
e sem perceber, já estará mais uma vez,
sonhando um novo sonho, pra começar tudo de novo,
por que a vida, a vida é um eterno recomeçar.
Que Deus te proteja hoje e sempre.
Não se esqueça que ♥ ... ♥ Estou seguindo -te e te amando .
Um feliz final de semana.
Beijos no seu coração.
Evanir..

Maria Alice Cerqueira disse...

Boa tarde amiga,
Venho lhe desejar uma linda semana coberta de muita paz e amor!
Sua presença é muito importante em meu cantinho, por esta razão veio lhe agradecer o seu carinho de sua amável visita sempre.
Assim que poder acesse o link
http://www.mariaalicecerqueira.com/2012/01/degustacao-do-livro-vida-nossa-de-cada.html
e leia a degustação do meu próximo livro! Vida nossa de cada dia!
Obrigada de todo o coração!
Abraço amigo
Maria Alice

Elisa T. Campos disse...

Querida Gaivota

Lindo poema

Do apenas ser
Sem matéria delineada
Minhas asas libertas

Amei.

bjs

Leninha disse...

E que tuas asas te levem às alturas e que possas descortinar crepúsculos,alvoreceres,pores de sol e noites de luar...e que flores coroem o teu voo,amiga querida.
Bjsssss,
Leninha

Por que você faz poema? disse...

Estou precisando de asas,
há muito estou cansado de caminhar.

Anne Lieri disse...

Teresa,poesia deliciosa com vento e liberdade!Amei!Bjs e boa semana!

Leninha disse...

Saudades de ti,Teresinha,que tens o nome e o modo delicado de escrever de minha irmã,também Tê,que já se foi,mas permanece em minha lembrança.

Bjsssss,
Leninha

Elisa T. Campos disse...

DDDD+++++
da conta
vim por minha conta
rever este canto
que tanto me encanto

Num voo de saudade para te desejar
um lindo final de semana,querida amiga.

beijos.